terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

SEGREDOS DE UMA PAIXÃO




SEGREDOS DE UMA PAIXÃO

Guardo dentro de mim a resposta esperada
Que te direi ao ouvido em uma certa madrugada
Recostada em seu ombro...
Sentindo teu calor.

E eu entre delírios sussurrando,
Aos meus gemidos minha voz se misturando
Direi dessa paixão que me devora,

Direi do meu amor...
De um coração que te adora,
E do tanto que te quero,
Corpo e alma que venero.

E te receberei em êxtase
Dentro de mim.

Regina Xavier

2 comentários:

  1. Um poema que inala o centro da alma, vibrando na resposta a união desse prazer. Bravo! Adorei!

    ResponderExcluir

Se a alegria é infinita e pode ser compartilhada,eis aqui um pedacinho de mim...Agradeço sua visita!!